Técnica socket shield versus implante imediato convencional com temporização imediata. Estudo clínico randomizado

Técnica socket shield versus implante imediato convencional com temporização imediata. Estudo clínico randomizado

Compartilhar

Uma seleção dos artigos científicos mais relevantes publicados recentemente nos periódicos internacionais.

Abd-Elrahman A, Shaheen M, Askar N, Atef M. Socket shield technique vs conventional immediate implant placement with immediate temporization. Randomized clinical trial. Clin Implant Dent Relat Res 2020;22(5):602-11.

Por que é interessante: o estudo compara uma técnica que preservaria a perfusão sanguínea (socket shield) com a técnica convencional clássica da literatura.

Desenho experimental: foram colocados 40 implantes dentários na zona estética, sendo 20 utilizando a técnica socket shield e outros 20 utilizando a técnica convencional. Foram realizadas tomografias computadorizadas de feixe cônico imediatamente e seis meses depois, para comparação. Os valores de frequência de ressonância (ISQ) e os pink esthetic scores (PES) foram realizados no momento da colocação do implante e seis meses depois.

Os achados: perda óssea horizontal: 0-0,26 mm no grupo socket shield e 0,03-0,44 mm no grupo convencional; perda óssea vertical: 0,11-0,5 mm no grupo socket shield e 0,25-1,51 mm no grupo convencional; ISQ: aumentou de 68 para 76 no grupo socket shield e de 66 para 75 no grupo convencional; PES: aumentou de 11 para 12 no grupo socket shield e diminuiu de 13 para 9 no grupo convencional.

Conclusão: a técnica socket shield é confiável para reduzir a perda óssea vestibular após a extração dentária.

Veja o artigo original aqui.