Implante unitário após trauma na região estética

Implante unitário após trauma na região estética

Compartilhar

Caso clínico mostra paciente com o elemento 11 perdido pela importante fratura coronária e radicular, além de fratura coronária do elemento 21.

Paciente do sexo feminino, 23 anos, estudante de Veterinária, sofreu um acidente no haras em que fazia estágio, recebendo um golpe da pata dianteira de um cavalo em seu rosto. Ela chegou à nossa clínica com o elemento 11 perdido pela importante fratura coronária e radicular, além de fratura coronária do elemento 21. Nesta primeira consulta, foi feito o escaneamento de ambas as arcadas e em oclusão. Em seguida, foi feita uma tomografia para avaliar a extensão das fraturas e realizar o planejamento virtual do caso.

Com os arquivos DICOM da tomografia, os arquivos PLY dos escaneamentos e o arquivo STL do modelo virtual com a coroa do 11 removida, foi possível definir a posição tridimensional ideal do implante no software de planejamento de cirurgia guiada (coDiagnostiX).

José Cícero Dinato
Doutor em Implantodontia – UFSC; Mestre em Prótese Dentária – Unesp/SJC; Especialista em Prótese Dentária e Implantodontia – CFO.

Thiago Revillion Dinato
Doutor em Prótese Dentária e mestre em Prótese Dentária – PUC/RS; Especialista em Implantodontia – Instituto Brånemark, Bauru/SP.